Símbolos do Santanópolis

FOTO OFICIAL DO ENCONTRO

FOTO OFICIAL DO ENCONTRO

O ESTADO SANTANÓPOLIS

Uma das melhores experiências educacionais do Colégio Santanópolis, o ESTADO SANTANÓPOLIS, como funcionou:

A intenção pedagógica de substituir a nova disciplina, Educação Moral e Cívica, que o MEC criou atendendo ao Governo Militar de então, segunda metade da década de sessenta e setenta, matéria árida de motivação, consequentemente de difícil resultado educacional, e para redirecionar o educando no sentido de cidadania e não militarista os dirigentes do colégio resolveram criar o ESTADO SANTANÓPOLIS.

O ESTADO SANTANÓPOLIS era composto de um governo eleito pelo voto direto de todos os estudantes, sem limite de idade para os seguintes cargos:
  • Governador,
  • Câmara de Deputados,
  • Prefeito do Curso Noturno,
  • Câmaras de Vereadores do Curso Noturno,
  • Prefeito do Curso Diurno,
  • Câmaras de Vereadores do Curso Diurno
Qualquer aluno poderia ser votado, haviam dois partidos políticos registrados na Justiça Eleitoral.

A Campanha Eleitoral, Eleição, Apuração era semelhante à vigente na época, título de eleitor, urnas cedidas pelos juízes eleitorais desta cidade, o Desembargador Vilela fez palestra no Colégio juntamente com o Juiz Eleitoral de Feira de Santana, sobre a função da eleição para o exercício de cidadania e elogiaram muito a iniciativa.


Eleições de 1970 - Posse dos Candidatos Eleitos no
 Auditório do Cine Santanópolis

Recorte de um Jornal de Feira, com a notícia sobre a  2ª eleição do Estado Santanópolis - maio /1970.

Mesa com Autoridades do Estado Santanópolis na Solenidade de Posse

Laura Alvim Boaventura, Juíza do Estado Santanópolis, empossando os candidatos eleitos  e
Fernando Risadinha, aluno e  responsável pelo áudio.



Discurso da Juíza Laura Alvim

Juramento da Governadora eleita Neide Sampaio


Discurso da Governadora eleita Neide Sampaio
Neide Sampaio recebendo a faixa de governadora
 Documentos do  ESTADO SANTANÓPOLIS


  Carteira de identidade do Vereador do Turno Diurno em 1970, 
  Alberto Oliveira Filho .



As Secretarias Estaduais do ESTADO SANTANÓPOLIS eram as seguintes:

Econômica/Financeira
Além de gerir os recursos do Estado, obedecendo ao Orçamento feito pela Assembléia,
Os alunos e professores do curso de Contabilidade assessoravam o Legislativo e Executivo, e era matéria pedagógica valendo para avaliação curricular.

Existia o Banco Santanópolis, com cheques – crianças de infantil pagavam despesas na cantina com cheques - tinha empréstimo para compra de livros, fardas etc., o cadastro dos alunos eram idênticos ao de qualquer Banco só que priorizava o desempenho escolar. Os funcionários do Banco eram alunos de Contabilidade Bancária no sistema de rodízio e orientado pelo Professor da Matéria, na época Laudelino Lacerda Pedreira (Loló irmão do jornalista Zé Coió).
Vale ressaltar que o Colégio tinha um Escritório Modelo com 30 máquinas de escrever, duas máquinas de contabilidade, uma fide-cópia e diversos equipamentos necessários para os cursos contábeis,

Secretaria de Indústria e Comércio
A merenda escolar era feita por merendeiras profissionais, mas planejadas e orientadas pelos alunos desta Secretaria e contabilizadas pelos alunos de Contabilidade Industrial o mesmo para a área comercial da cantina.

Secretaria de Justiça e Segurança
Era responsável pelas filas juntamente com as Guardas Municipais com as punições por transgressões de alunos que variavam de advertência, ficar sem merenda por no máximo dois dias, registro no banco, para avaliação de cadastro e até suspensão, neste caso o aluno podia apelar para a Diretoria de Colégio.

A Secretaria de Esporte e Lazer
Algumas atividades desenvolvidas por esta secretaria foram:
·        Banda Marcial - A eficiência deste sistema criou um orgulho entre os discentes e docentes que ultrapassou todas as previsões, onde o Colégio competia era certeza de vitória, a melhor Banda Marcial da Bahia, ganhamos vários concursos em Salvador.
·        Festival de música popular
·        Concurso de quadrilha junina
·        Esportes - participação nos campeonatos da cidade,
·        Criação do conjunto musical (depois vários participantes se profissionalizaram),
·        Coral  (excelente coral regido pela Profª Francelina Pereira que ficou famoso)
·        Fizemos novela
·        Concurso de poesias ( O 1º Concurso de poesias do Colégio Santanópolis, foi realizado em 20 /11/1968 coordenado pelo Prof. Dival Pitombo)
·        Teatro  - O Grupo Estudantil Normal do Santonópolis (TENS), fundado e dirigido por Neide Sampaio, 1968 a 1969,   formado pelas alunas do  Curso Normal, funcionando dentro do  Colégio Santanópolis, apresentações eram no Cine Teatro Santanópolis, para os alunos do  próprio Colégio.
·        Algumas peças apresentadas pelo TENS:
    • Os Brinquedos Sabidos
    • O Quadrado (Autor Professor Arlindo Pitombo).

Fontes:
Lembranças de Evandro Oliveira, Laura Alvim e Neide Sampaio em mensagens publicadas nos Blogs do Santanópolis:
Blog1 (http://santanopolis.zip.net/)– mensagens publicadas em
·          01.09.2009 - POLÍTICA ESTUDANTIL NO COLÉGIO SANTANÓPOLIS
·          04.09.2009 - SOBRE A NOTA DE LAURA ALVIM
·          04.09.2009 - POLÍTICA ESTUDANTIL NO COLÉGIO SANTANÓPOLIS
·          07.10.2009 - ESTADO SANTANÓPOLIS - POSSE DOS CANDIDATOS NA ELEIÇÃO 1970
Blog2 (http://www.ginasiosantanopolis.blogspot.com/) – mensagens publicadas em

·          13.12.2010 - POSSE DA GOVERNADORA DO ESTADO SANTONÓPOLIS

·          20.12.2010 - DISCURSO NA POSSE DE GOVERNADORA 1970

 

Filme do Santanopolis dos anos 60