Símbolos do Santanópolis

FOTO OFICIAL DO ENCONTRO

FOTO OFICIAL DO ENCONTRO

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

ANIVERSARIANTES DE HOJE

Zilma

Celeste
 Parece até um bloco de carnaval, os aniversários dos Santanopolitanos: Celeste Pires, Zilma Maria Moreira Miranda, Agnaldo Ferreira Marques (Nado) e Adroaldo de Oliveira Dórea. Parabéns e muito axé.

Adroaldo

Nado

PERFIL DE NANTES BELLAS VIEIRA (BIBI)

Nasceu em Feira de Santana, no dia 18 de abril de 1948.
Filho de Nestor Vieira de Barros e Semita Bellas Vieira
Estudou na Escola São José, da Profª. Cibelle Almeida, a qual passou por suas mãos muitos cidadãos honrados de Feira de Santana. O ginásio fez no Colégio Estadual e o Científico, no Colégio Santanópolis.
É médico, formado pela Escola Baiana de Medicina, da UCSAL (Universidade Católica do Salvador). Especializou-se em Ortopedia.
Foi Oficial Médico do Exército de Brasília, atuando no
35°. B.I., por muitos anos e no 19°. BCE (Batalhão de Caçadores do Exército).
Foi fundador da CORTE (Clínica de Ortopedia, Reumatologia e Traumatologia), onde por muito tempo laborou como médico e diretor.
Fundador do HTO do Hospital D. Pedro de Alcântara, ao lado dos colegas, Dr. Antônio Bahia e Albérico Novaes, ambos falecidos, e que até a presente data atua ainda com plantão permanente.
Atualmente é médico ortopedista da UNIMED, do Hospital Clériston Andrade e do Hospital D. Pedro de Alcântara.
Casado com a enfermeira universitária, Nadja Maria Campos Carvalho e Vieira, com quem teve uma filha, Lívia.
Recebeu a Medalha Ver. Dival Machado, da Câmara de Vereadores, no dia 03 de outubro de 2006, em comemoração ao “Dia Nacional do Vereador”. 


Fonte: Oliveira, Lélia Vitor Fernandes de “Inquilinos da Casa da Cidadania”.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

ANIVERSÁRIO DE ALBERTO SAMPAIO DE OLIVEIRA FILHO


Que bom, milhões de foliões comemorando seu aniversário.

PASSAMENTO DE CARLOS AUGUSTO BRITO - CAGUTO

Caguto, Santanopolitano, faleceu ontem dia 15-02. O féretro será no Cemitério Jardim Celestial, às quinze horas.
Perdemos um bom músico e grande amigo.

domingo, 15 de fevereiro de 2015

ANIVERSÁRIO DE MARIA DA ANUNCIAÇÃO SANTIAGO


Anunciação foi aluna e professora do Santanópolis, desejamos muitas felicidades para ela e família.

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

ANIVERSÁRIO DE ROSALVO REIS COSTA

"PENSAR FEIRA" E UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO - UFRB

O Pensar Feira, entidade suprapartidária que tem como objetivo discutir a cidade que queremos, solicitou reunião com a direção da UFRB – Universidade Federal do Recôncavo Baiano – para atualizar a querela sobre o terreno do futuro Campus de Feira de Santana. Foi uma reunião muito proveitosa, agendando café da manhã para depois do carnaval, quando serão convidadas a mídia feirense e autoridades, do Estado e Município, como também os dirigentes de entidades.

Posteriormente voltaremos ao assunto com mais detalhes.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

ANIVERSÁRIO DE ONTEM E HOJE


 Completaram mais um ano de vida os Santanopolitanos Wilson Oliveira Pereira, ontem dia 9/02 e Altamira Cordeiro de Santana Nunes (Mira), hoje. Desejamos a repetição do evento por longos anos.

ALUNOS DO GINÁSIO SANTANÓPOLIS - 1934 A 1947 7ª PARTE

Fernando Ramos de Almeida Alves
Francisco Glycério Souza Dultra
Fernando Souza Ramos
Geraldo Lopes Portugal
Fernando Vaz de Queiroz
Gessé Ferreira de Oliveira
Fernando Walter Freira Jordo
Gilberto Dias Miranda
Fernando Watt da Silva
Glício Souza Dultra Santos
Filadelfo Carvalho de Aráujo
Grinaldo da Silva Andrade
Filemon de Lima Cardoso
Hamilton Carvalho Lima
Floriano Alípio de Araújo
Hamilton Leão de Oliveira
Florísia Arlete de Freitas Morais
Hamilton Lima
Florisvaldo Nunes Falcão
Hamilton Valadares de Oliveira
Francisco Carneiro de Souza
Heitor Marciano de Souza

domingo, 8 de fevereiro de 2015

ANIVERSARIANTES DE HOJE

Maria Luiza de Almeida Luz (Lú) e Antonio das Graças Soares Souza - Palhaço, apelido do tempo de ginásio que gosta do apelido, de acordo com ele, não seria reconhecido pelos colegas de outro jeito. Parabéns para ambos.

sábado, 7 de fevereiro de 2015

PASSAMENTO DE SANTANOPOLITANOS

 É com pesar que noticiamos o falecimento de duas Santanopolitanas, Maria José Boaventura Borges (Marizete) e Ivonilde Prado Teixeira, ontem dia 06/02.
Ivonilde, 

ANIVERSARIANTES DE HOJE


 Parabéns Joselita Quintela Falconery (Lita) e Hamilton Bacelar.Aniversário em fevereiro na Bahia é espirito de "trio elétrico".

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

O OURO DOS FRADES

Hugo Navarro Silva
Volta e meia Feira de Santana torna-se palco de fatos estranhos, extravagantes, misteriosos, que até sumir no tempo vão ganhando contornos surpreendentes, levados pelos exageros populares, causando estupefação e às vezes justas revoltas. Causou espanto e frenesi o caso do “ouro dos frades”, quando pessoas de certo destaque quase derrubam casa da Praça da Matriz com largas e profundas escavações em busca do ouro – um vasto tesouro semelhante ao dos piratas do Caribe – que frades teriam ali enterrado em priscas eras.
                   A corrida do ouro atraiu pessoas que largavam “croisé”, colete, calças de flanela, cucos e cartolas para ingentes e quase secretos esforços ao cabo de pá e picareta, a começar do jornalista polemista e temido poeta satírico Cristovam Barreto, que se valeu da condição de afamado antropólogo para mascarar suas atividades, havidas por busca de ossos, cerâmicas, instrumentos e outros traços de índios que aqui teriam vivido desde tempos imemoriais.
                   Sem querer falar do “lobisomem da avenida” e de outros fantasmagóricos freqüentadores de nossas ruas, quando chegava a madrugada, lembramos o estranho “caso das caveiras”, escândalo que ultrapassou as fronteiras do pais, liquidou, moralmente, um bando de rapazes da sociedade local e nunca foi devida e completamente esclarecido.
                   Outro caso intrigante aconteceu na noite de 5 de dezembro de 2006, quando  irrompeu, na Rua Sales Barbosa, pavoroso incêndio. Apesar de esforços populares e de intenso trabalho dos bombeiros o fogo devorou, rapidamente, quase uma dezena de casas comerciais, causando enormes prejuízos e enchendo a cidade de apreensões.
                   A Sales Barbosa, há tempos, vem criando ambiente para sinistro de vastas proporções. Estreita, transformada em calçadão onde não podem circular veículos, atulhada, completamente, de barracas e incrível tralha de vendedores ambulantes, formada de casas geralmente antigas, com precárias instalações elétricas, a qualquer momento poderia, como infelizmente aconteceu, transformar-se em terrível fogueira.
                   A polícia, entretanto, descobriu os culpados. Em operação de rotina, quando ouvia conhecidos arrombadores, três deles, sem grande esforço da parte da polícia, confessaram o crime com detalhes rocambolescos e com enorme facilidade. Não possuíam mandato popular, nem eram ladrões da República, mas simples larápios, vagabundos, pés-de-chinelo. Segundo o noticiário, numa rua cheia de vigilantes noturnos e de ambulantes que ali passam a noite a vigiar barracas, os ladrões tentaram arrombar porta de comércio. Não conseguiram. Resolveram, então, atear fogo a tábua e o incêndio se alastrou de forma devastadora. A polícia, surpreendida diante do inesperado, levou os supostos incendiários ao Ministério Público para que confirmassem a estranha confissão, com o ar de quem poderia dizer: achamos o “ouro dos frades!”
                   No Brasil de hoje nada surpreende. Não deixaram de causar espanto, contudo, declarações de pessoas de alguma responsabilidade lamentando que a polícia, ao invés de meter os supostos incendiários, imediatamente, em galés perpétuas, deixou-os em liberdade. Querem, brasileiramente, um estado policialesco.
                   Muito mais espantoso, entretanto, é que no intenso noticiário sobre o assunto ninguém falou da preservação do local do suposto crime, mexido e remexido por curiosos e saqueadores, e nem de longe houve referência a exames periciais obrigatórios, em tais casos, que poderiam determinar a causa do sinistro e o sítio de origem se conduzidos de forma competente e honesta.
                   Ao que tudo indica a confissão dos ladrões resolve tudo. Logo a confissão, a “rainha das provas” nos tempos da Inquisição, mas que nos dias do hoje, longe da certeza, só levanta dúvidas?
Hugo Navarro da Silva - Santanopolitano, foi aluno e professor do Colégio Santanópolis. Advogado, jornalista escreve para o "Jornal Folha do Norte". Gentilmente, a nosso pedido, envia semanalmente a matéria produzida


ANIVERSÁRIO DE OUTRAN SAMPAIO BORGES


Parabéns ao Santanopolitano, médico,com excelente passagem como Provedor da Santa Casa.Que esta data se repita por muitos anos.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

ANIVERSARIANTES DESTA DATA

Mª Conceição

Marci
 As Santanopolitanas Elza Maria da Silva Mascarenhas, Marci Angélica de Jesus e Maria da Conceição Santos Oliveira, comemoram a data natalícia hoje. Parabéns e muita sorte com astral no topo.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

ANIVERSÁRIO DE ILMA DOS REIS NOGUEIRA

Ilma além de Santanopolitana, ela e seus irmãos são meus amigos do tempo da "Marechal", onde passamos nossa infância. Espero que a encontre com saúde. Parabéns.

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

domingo, 1 de fevereiro de 2015

ANIVERSARIANTES DE HOJE



Parabéns Cora Maria Tavares de Lima e Everaldo de Carvalho Graça, vocês são da equipe Santanopolitana, estaremos torcendo que este dia os encontre com saúde e felicidade.

Filme do Santanopolis dos anos 60